Desafio ao Zeno

Daniel Craig Real

O Zeno vive fazendo resenhas de filmes, mas só fica no mainstream das bobinas globalizadas. Fazer resenha do 007 com Daniel Craig é moleza, quero ver o nosso crítico-mor fazer a resenha do filme do Capitão e deputado Conte Lopes. Tudo bem a foto é pequena, mas nem no inferno encontrei um maior. Ali está escrito: CONTE LOPES EM MATAR OU MORRER. O CASO DA THABATA, O BEBÊ REFÉM.

Em uma de minhas incursões aos sebos paulistanos, peguei este DVD e acabei não comprando, maldita vacilada, era um puta presente de Natal pro Zeno. Acabei de conferir no site do Deputado e não é que o filme está esgotado. Era mesmo um puta presente, raridade por mixaria.

Com a palavra o Zeno.

Walther PPK, license to kill, or be killed!*

(*) frase do matador profissional Hector Gonzales depois de capturar 007 (Roger Moore) em 007-Somente para Seus  Olhos. Aliás, para mim, filme com a mais maravilhosa bondgirl da história: Carole Bouquet como Melina. Urrr, que deusa.

Cleópatra

Cleópatra seria uma Baranga?

Está no UOL de hoje. Moeda sugere que Cleópatra não era bela. De fato a moeda acima, que supostamemente retrata a Rainha do Egito Cleópatra, mostra que a diva da antigüidade está mais para uma baranga do que para a belíssima mulher que encantou Marco Antônio, Júlio César e Roma inteira. Mas aí a lógica sassaroliana levanta as seguintes hipóteses que este gênios do tititi nunca pensam;

1) Quem esculpiu a moeda era um profissional de merda;

2) Quem esculpiu a moeda era míope;

3) Quem esculpiu a moeda tinha mal de parkinson;

4) Quem esculpiu a moeda era uma becha muita invejosa;

5) Quem esculpiu a moeda era republicano;

6) O modelo de beleza da época era italiano, nariguda e queixuda.

Call Center Again

 

Sai dessa meu amor!

Como este blog também presta serviços à comunidade*, vou dar mais uma dica de como escapar de uma ligação do tipo "vamos estar ligando". Desta vez, fui pego por uma menina querendo me vender uma assinatura do Valor Econômico. O que fazer? Sem essa de bater o telefone, xingar ou dizer que não quer, qualquer orangotanto bem treinado faz isso. Ainda que primos próximos dos símios, é preciso se diferenciar (prometo para breve um texto sobre esta maldita moda de usar diferenciado em tudo), é preciso ter uma saída criativa e educada, dar uma sinuca de bico na moça de tal forma que ela não tenha uma resposta possível naqueles manuais que recebeu.

- Boa noite, estou ligando para estar oferecendo uma assinatura do jornal Valor Econômico, o Sr. conhece o Valor?

- Claro, é um excelente jornal, leio todo dia. (o ISE - Índice Sassa de Entusiamo- dela cai muito)

- Ah, o Sr. já é assinante então?

- Não, não sou, não. (o ISE dela dispara, o pato está na mira).

- O Sr. sabia que assinando o jornal fica 35% mais barato do que comprar na banca todo dia? Além de receber na sua casa logo cedinho.

- Eu sei disso, sim, mas acontece que eu leio o Valor no meu trabalho. A empresa disponibiliza (outra palavra que odeio) vários jornais toda manhã.

- Ah, tá, ok, certo, que bom... Bem, então eu gostaria de saber se a entrega está ok, o Sr. tem alguma reclamação?

- Tudo uma maravilha.

- Que bom, então boa noite e obrigado por sua atenção.

 

(*) Alto lá! Não nos tomem por uma ONG, fazemos isso por prazer e não por dinheiro público.

Eugenia, Eugênia!!!

 

Se for pegar, fique com a do Photoshop

Como diz meu amigo Mário: Sassa, já que você está no inferno, abraça o capeta, pô! Então vamos lá.

Já que falamos de adolfinho e os seus, há tempos venho pensando num dos projetos mais macabros dos nazistas, a eugenia. Uma bobagem descomunal, contra a qual os livros estão cheios de bons argumentos. Mas dou o meu próprio:um mundo povoado por carinhas, bundonas e peitões iguais é muito tédio para minha cabeça.

Bem, vem esse massacre da mídia em cima de modelos de beleza le eva todo mundo a ter a mesma carinha, a mesma bundona e o mesmo peitão. Além de Cirurgiões Plásticos faturando alto pondo e tirando partes das pessoas para promover a eugenia, agora temos o fotoshop que faz mais que milagres, faz maravilhas. Alguém argumentará, bem é apenas uma foto, a pessoa na realidade continua a mesma. Ora, ora, quem está preocupado com a realidade? No mundo das caras de Caras, o que vale mesmo é melhor ângulo, ainda que o espelho não consiga captá-lo, as cameras o farão.

Vejam o caso do Michael Jackson, ele fica cada dia mais parecido com a Nicole Kidman. Se ela deixar de tomar sol, vão parecer irmãos. PQP, e esses narizes? São idênticos.

                                                                  

 

Tá, dirão, escolheu duas fotos bem parecidas, etc. Então, vou mostrar o melhor exemplo de eugenia que conheço. Estava eu no google pesquisando para ver se encontrava fotos de minha classe dos tempos da faculdade e, inadvertidamente, escrevi mclass e eis que chego a um site de entretenimento adulto especializado, se é que me entendem. Clique no link abaixo e veja a eugenia que graça o mundo.

http://www.mclass.com.br/scripts/mclass.dll/main

Em nome da boa ciência, chequei as fotos de cada uma delas e posso dizer que a coincidência de carinhas, bundonas e peitões mais que corrobora minha tese da eugenia fotoshoperiana dos tempos que vivemos. Ah, o leitor não curte ver corpos femininos, então fique só nas fotos das carinhas. Mesmos dentes, mesmos lábios, mesmos cabelos, mesmo olhos, todos os narizes são iguais. Ops, já ia me esquecendo, Perozzi certamente vai querer saber se as taxas são mesmas também. Bem, preciso de um tempo. Alguém perguntou aí se os desempenho são os mesmo?

Perguntar-me-á algum incauto: mas, Sassa do Céu, como podem ser tão parecidas?

Fácil, são todas primas.

[ ver mensagens anteriores ]