A Terra em Perigo

Pensando bem...

Certo, há controvérsias, mas a terra parece que está mesmo se aquecendo.No longo prazo todo mundo vai virar crêpe suzette. Mas no curto prazo, que é o que nos interessa, o mundo está é se afundando, literalmente. Primeiro foi nosso metrô, agora é na Guatemala. Será que temos um buraco negro no interior da terra que está nos sugando para o nada? Só mesmo organizando uma expedição comandada pelo Dr.Lidenbrock.

 

   

PPP Guatemalteca         PPP Paulistreca

E os adversários do capitalismo ficaram acusando a PPP da linha amarela de ter causado o acidente. Tá vendo, pode acontecer com qualquer um em qualquer lugar.

Nosso buraco, no sentido geológico, é bem melhor que o deles. Os caras não tinham cavado nem começado o metrô e tudo já desabou. Viver num páis de terceiro mundo deve ser uma dureza.

Na terra de Descartes

Ô, ôô, ô, ô, allez Sarkô!!!!

Ainda que a Ségolène Royal seja uma grásçinha (como diria a Hebe), este blog apóia incondicionalmente Sarkozy nas eleições francesas. Primeiro porque não há porre maior do que um francês de esquerda. Depois já sabemos que a camaradinha veio buscar a experiência do orçamento participativo do PT gaúcho, que toda pessoa bem informada sabe que é uma farsa, totalmente manipulado, moleza para um partido que usa até velório como instrumento de transformação da sociedade (anônima, como sabemos hoje). Nem Lula, 'experto' que só ele para certas coisas, usou o knowhow do PT de PA, onde aliás surgiu a primeira denúncia sobre ligações com o jogo do bicho, que anos depois veio estourar em Waldomiro. Um bom administrador público não precisa fazer encenação populista para tomar decisões de interesse do povo, as necessidades são públicas e notórias e, como disse Jânio certa vez, dispensam prova em contrário.

Ademais, Sarkô foi o ministro que deu bateu de frente com aqueles folgados que tentaram incendiar a França tempos atrás. Vi uma matéria com alguns deles na Globo. O bairro era melhor que o Alto de Pinheiros, viviam num apto do Estado, recebiam grana do Estado e um deles ainda reclamava que o Estado não arrumada o teto do hall do elevador de seu andar. Um parasita. Eu teria adotado o bilhete único por lá: dá uma passagem só de ida para o maravilhoso país de origem do mala e, de quebra, um abraço a todo mundo que fô da sua família. Claro tem lá um problema social, mas havia também uma séria crise de autoridade. Sarkô, ele também filho de imigrantes, reagiu com firmeza ao melô geral do problema social que justifica tudo. Líderes sem medo de ir contra a maré e de trombar com o consenso são fundamentais para que o Estado saia da situação atual de emparedado por esta conjugação de igreja, esquerdas e ONGs (aqui incluídos supostos movimentos sociais).

Por isso, no melhor estilo machista, com e sem trocadilho, eu proclamo: pau na Ségolène Royal.

Carnavalescas

Chamem o Kassab!

Vendo esses de Olinda, pensei que era estavam filmando a raia olímpica da USP vista da marginal Pinheiros. Só outdoors. Kassab expulsaria todos da avenida: saiam daqui, saiam daqui, vagabundos!!!

Nada é mais boçal do que propaganda de cerveja e não é que elas transformaram o carnaval numa idiotice chata a dar com pau. Aliás, me disse um amigo que cerveja é bebida de trouxa, não derruba e só engorda. Bem, em parte é verdade, mas não resisto a uma Guiness, que aliás derruba nego bom de copo.

Carnavalescas

Na nossa montagem fotográfica, Preta vê a banda passar

Carnaval só gosto do de Veneza, simplesmente porque nunca vi. Aqui é um saco, aquele bombardeio insuportável como o da Copa, do Pan, do PCC, da mensalão, da posse do Lula, etc.

Mas li que Preta Gil constrangeu todo mundo (menos ela, claro) com seu desempenho como rainha da bateria de alguma escola sei lá donde, Rio, SP ou do expresso 2222 (quatro patinhos na lagóa, mais um monte de patos assistindo). A moça que já tentou tudo na vida, menos ficar no seu canto, não sabia sambar, o que se mostrou menos constragedor, afinal mesmo não sambando ficou sem pique, faltou-lhe oxigênio. Um vexame!

Por isso, fizemos esta montagem acima para sugerir à primeira filha da baianidade que melhor mesmo ela ficar na sacada do solar dos Gil vendo a banda passar.

[ ver mensagens anteriores ]