Sing the Song

Tal pai, tal filha

Ouvidos Afinados

Juva e Perozzito, esta eu chupei do blog do Nassif. Bebel e o João Gilberto cantando juntos "Diga" de Vicente Paiva & Dircinha Batista.

http://www.youtube.com/watch?v=0Hx21knmj7w

Susie Arioli

Susie and the Bakers Boys

Tá bom, você adora Diane Krall e ficou com uma puta raiva e um muito ciúme porque a menina se casou com o Elvis Costello não morreu. Mas ciúme mesmo eu tenho deste Jordan Officer. O maldito aparece em todos os CDs da Susie Arioli. Perozzi, saca só que gracinha. E como canta bem. É canadense a bela, já o narigudo aí não tenho a menor vontade de saber. Ele toca guitarra neste CD. Todas as faixas são duca.

 

Sassa quer uma aluna assim!

Se aquela primeira foto era ótima, essa deixa a gente louco. Perozzi, fala a verdade para o amigo Sassaroli, se uma aluna como esta entra na sua sala de aula, que pensamento lhe vem imediatamente à cabeça? Dois possíveis: puts, vou ter que extrapolar o programa do curso. Se você fosse professor de Filosofia Grega: querida, você já ouviu falar a caverna de Platão?

E o narigudo do Jordan Officer sempre ao lado. Vai te catá, meu filho!!! Pior, deve ser o sacana que manda colocar este Featuring Jordan Officer, que na tradução livre sassaroliana significa: é, moçada, é o Jordan faturando.

PS: converti algumas faixas para mp3, mas esta merda do UOL (um pleonasmo reafirmativo) só permite arquivos de fotos. Ok, segunda-feira procuro num dos sites indicados pelo Zeno.

Joe Cocker

Joe Cocker é papa fina.

George Keep Walker me mandou através da mala diplomática um CD de Joe Cocker que é demais.ULTIMATE COLLECTION. Tá certo, o Pinto vai me cobrar os links das músicas. Acontece que sou um antiquado, destes que ainda compram CDs, afinal Michael Jackson precisa pagar seus advogados e a Gretchen os seus maridos. Zeno me mandou uns sites maneiros, mas ainda não pesquisei por lá.

Vamos fazer o seguinte, se o Alckmin ganhar a eleição eu só citarei Cds aqui com links, mas depois da posse que preciso de tempo para treinar.

Perozzi, me contou sua dignissíma enquando ela dormia bêbado, adora With a Little Help From My Friends. Já eu adoro Delta Lady.

Eva Cassidy

Eva Cassidy, crème de la crème!

 

 

Sei que vão me encher o saco para saber qual o motivo de eu ter criado a seção Sing the Song para dicas semanais de música se elas não são semanais. Fácil: são semanais, mas só nas semanas em que estou com saco.

 

Mas eis aí uma descoberta recente de minhas andanças internáuticas. Eva Cassidy. Belíssima voz em discos deliciosos. ‘Songbird’ reúne algumas músicas de outros trabalhos dela . 'Live at Blues Alley' também é muito bom. Uma cantora das grandes, muito eclética na escolha do repertório. No CD ‘The Other Side” ela não perde em nada para seu parceiro neste CD, Chuck Brown, cantando blues. Pena ter morrido tão cedo, em 1996, aos 33 anos, vítima de um melanoma.

 

Nosso amigo Pinto vai reclamar que eu não botei o link, mas eu já tenho dois CDs dela, que George Walker me mandou. Como fã incondicional do capitalismo, acho que vocês deveriam pedir na Amazon, não é tão caro assim e ainda ajudam a criar empregos.

 

Pesquisei em alguns sites brasileiros, me sugeriram CDs da Evinha. Tá certo. Ave, Amazon!!!

 

O pior de Noel Rosa

Sassa, esta é feia, mas vem a propósito. Aliás, acho que é a pior que o Noel compôs em toda a sua vida. Vai aí o refrão, procê cantar durante o banho:

Ai, que mulher indigesta!

Indigesta!

Merece

um tijolo

na testa!

Não é o Walt Disney fumando cachimbo II (O apelo)

Mesmo sabendo que nem minha mãe lê este maldito blog, refaço aqui meu apelo às gravadoras: regravem o sambista Carlos Galhardo. Regravem as valsas também, sem problemas. Mas regravem também os sambas da década de 30 e 40. É ali, cantando mais à vontade, sem o peso da retórica lacrimosa, que ele fala de modo mais convincente ao nosso tempo, em que bodas de prata são assunto para o Guinness e a neve do tempo foi substituída com vantagens pelo Wellaton. Regravem "Deus no céu, ela na terra", "Largo da Lapa", e tantos outros sambas deliciosos que vão ficando cada vez mais esquecidos.

LaVern Baker

Essa é fera!

Perozzi,

Vai aqui minha dica semanal de cantora.

LaVern Baker

É uma explosão, não tenho palavra melhor. Este CD é demais. Essas cantoras de gospel/blues/soul/jazz americanas são supimpas. Entra lá  na Amazon (que merece um tempo construído pelos capitalistas, de preferência com grana do BNDES para uma ONG, só de sacanagem) e ouve alguns trechos deste CD.

Ouvindo Touch Me Lord Jesus, que minha mãe não saiba disso, quase pego a Bíblia e vou pro Viaduto do Chá pregar a palavra do Senhor. Certa vez, bêbado, com o Lelo Mascetti, fiz algo parecido sem bíblia, foi delicioso, um dia eu conto isso melhor.

Precious Memories é deliciosa, com aquele orgão eletrônico ao fundo.

Didn't it Rain,cara, é maravilhosa, não dá para ficar sentado.

Sempre há um coro acompanhando, como em Somebody Touched Me e Everytime I Feel The Spirit .

De Money Blues para frente já muda, é um belo jazz/soul cantado com muita força.

Se você explorar os CDs da Amazon (Ave, Amazon!) verá que ela canta de tudo e muito bem, mas ainda acho que no gospel LaVern é o must.

Irrrmãoooo, que Deus esteja com você, sobretudo nas bebedeiras.

Aleluiiiiaaaaaaaaahhhh!!!!!!!!

Ary de novo

 

"Na Baixa do Sapateiro" tem três partes. Bem curtinhas. É quase um hai-kai. A palavra "frajola" caiu do céu e resolveu morar prá sempre naquele verso, de tão à vontade que se sentiu. É uma aquarela. E vale cinqüenta vezes mais que a outra, a enfatuada.

[ ver mensagens anteriores ]